“Aproveite seu carro novo!”

Amanhã acontecerá o Dia Mundial Sem Carro, promovido por várias organizações ecológicas e pelas prefeituras de várias cidades pelo país afora. A idéia é diminuir o caos do trânsito das cidades e melhorar a qualidade do ar, retirando o grande número de automóveis das ruas. Os organizadores do evento pedem à população utilizar bicicleta, transporte público ou qualquer outro meio de transporte não seja motorizado para ir ao trabalho.

Realmente o problema do trânsito passa pela questão do individualismo reinante na sociedade brasileira. O sujeito pega seu carrinho, sozinho e se mete no engarrafamento, sem se preocupar se a sua atitude piora as condições do tráfego. Daí reclama do gorverno, exigindo a construção de mais estradas, alargamento de ruas, etc., etc. A solução é outra: deixar o carango em casa.

Apesar de me cheirar a revoltinha de classe média (tipo andar de branco no calçadão de Ipanema para pedir paz), a iniciativa é interessante, pois se diminuirmos um pouco o número de carros nas ruas, o benefício será para todos.